Ambulância para obesos: o que é e como funciona

O serviço de ambulância é essencial para socorrer pacientes que precisam de atendimento urgente. Não é à toa que, a cada dia que passa, esse tem sido um mercado em ascendência. No entanto, apesar de aparentar ser um assunto simples, ele é muito mais complexo do que você possa imaginar.

Afinal de contas, há algumas variantes que devem ser consideradas. Algumas pessoas acham que apenas a frota de veículos importa, quando na verdade não é assim. Ainda que esse seja um ponto importante, há outras coisas que também merecem a sua atenção.

Você contrataria uma empresa que não possui os devidos equipamentos que garantem a sobrevida do paciente, por exemplo? E, no caso de você precisar de uma ambulância para obesos, saberia quais são os requisitos que se deveria avaliar?

Uma pessoa obesa, querendo ou não, é capaz de apresentar um quadro clínico mais instável, mesmo que seja um atendimento simples. Afinal, uma pessoa obesa pode ter a saúde um pouco mais grave, se comparado com outros pacientes.

Então, nesse caso, torna-se necessário que a ambulância para obesos tenha os equipamentos necessários para que se possa garantir a vida do paciente. Fora isso, na grande maioria dos casos, é preciso que se contrate uma ambulância especial, que se adapte a pacientes obesos.

Isso acontece porque uma maca comum nem sempre suporta pessoas obesas. No entanto, esse é apenas um de vários outros exemplos que se poderia falar. Mas o fato é que, para garantir o transporte seguro desse tipo de paciente, torna-se essencial que se tenha uma frota adaptada.

Contudo, aqui no Brasil, essa é uma questão do qual se deve manter mais atenção, haja vista que não é qualquer empresa que faz esse tipo de serviço. Então, para saber mais sobre o assunto, não deixe de conferir esse post.

O que é uma ambulância para obesos?

Primeiro, temos que falar sobre o que é uma ambulância para obesos. Então, a respeito desse assunto, saiba que esse tipo de distinção se faz necessária por alguns fatores. Pessoas obesas, na grande maioria das vezes, têm uma saúde mais frágil.

Não é à toa que os obesos são considerados grupos de risco para algumas doenças, como é o caso do COVID. E isso acontece porque, caso contraiam uma doença, as chances desse problema se agravar é muito maior que uma pessoa não está nesse grupo de risco.

No entanto, mesmo que essas pessoas devam se cuidar um pouco mais para que não contraiam tais doenças, ninguém está imune a nada e, por isso, pode acontecer de uma pessoa obesa contrair uma doença de riscos precisar de uma ambulância especial.

A ambulância para obesos se enquadra no serviço de remoção médica. Ou seja, é quando o paciente precisa de um veículo especializado em transporte de emergência para que possa se dirigir até um hospital ou clínica, por exemplo.

Mas, sabendo que o paciente é uma pessoa obesa e, portanto, corre mais riscos, não é mais recomendável que se faça esse serviço com uma ambulância adaptada para esse paciente? É justamente esse o intuito das frotas para obesos.

No entanto, assim como há ambulância para obesos, também existem outros tipos, que acomodam pacientes específicos. A exemplo, podemos citar as ambulâncias neonatal ou UTI, que são acionadas em situações mais específicas.

Por que as ambulâncias para obesos são importantes?

Elas são importantes porque garantem a segurança do paciente. Uma maca comum suporta até 120 quilos, por exemplo. Então, se uma pessoa obesa for usar os mesmos equipamentos, ela corre o risco de se acidentar, por exemplo.

Fora isso, a estrutura que uma ambulância para obesos, demanda é diferente, haja vista que ela precisa ser toda adaptada para poder receber um paciente desse tipo. Além disso, outra importância a respeito desse assunto diz respeito à agilidade.

Imagine que você mora no 5° andar e um familiar seu, obeso, se acidentou e precisa ir a um hospital ou clínica. No entanto, devido ao sobrepeso, ele não consegue descer as escadas e ir até um veículo que possa fazer esse transporte.

Nesse caso, a única solução é chamar uma ambulância para obesos, para facilitar a mobilidade do paciente. Mas e se, ao acionar, você se depara com uma frota que não é adaptada? O que era para ser simples acaba se tornando um problema ainda maior.

Afinal de contas, como o veículo não é próprio para esse serviço, o trabalho para remover o paciente e levá-lo até a clínica ou hospital é muito maior. Dessa forma, o tempo para fazer esse serviço é muito maior, o que pode colocar em risco a vida do paciente.

Então, se o paciente obeso sofre um acidente e precisa de atendimento médico com urgência, a ambulância para obesos se torna importante para garantir que não haja demora no atendimento e, dessa forma, garante a segurança e a sobrevivência do paciente.

Como é uma ambulância para obesos?

Já falamos que a ambulância para obesos deve ser diferente das demais, ou seja, precisa haver uma certa adaptação. Mas o que exatamente isso inclui? Como deve ser uma ambulância para obesos? Esse é um assunto do qual você deve se atentar.

Afinal de contas, se algum dia for preciso contratar esse tipo de serviço, você vai estar mais preparado para avaliar qual é a melhor opção e garantir a saúde do paciente. Em suma, a viatura é mais larga que os veículos comuns, até mesmo para que não haja dificuldade no momento em que o paciente for entrar.

Fora isso, ela possui um guincho com cabo de aço, que é movido por controle elétrico. Esse controle serve para que seja possível puxar a maca para dentro do veículo, através das rampas de acesso. Isso é necessário até mesmo para os próprios profissionais da área da saúde.

Afinal de contas, não é raro ver profissionais que tiveram alguma lesão ao transportar um paciente obeso. Então, essa adaptação é boa não só para o paciente, mas para todos os envolvidos. Além do mais, há uma trava de segurança para fixar a maca dentro da viatura.

Dessa forma, faz com que o paciente fique preso no local devido, sem que se movimente. Em relação à maca, ela deve ser mais reforçada, resistente e larga que as padrões. Por isso, a grande maioria delas suporta até 385 quilos quando levantada e até 725 quilos quando está abaixada.

E, caso seja necessário, a maca também precisa possuir um suporte regulável para soro e algumas alças de transporte nas laterais, sinalizadas com a cor vermelha, caso precise que mais pessoas ajudem a levantar. 

Conclusão

Através desse post, você pôde ter uma noção um pouco maior de como são as ambulâncias para obesos. Trata-se de um assunto sério e que exige a sua atenção, até mesmo para garantir a saúde não apenas do paciente, mas também dos profissionais que se envolvem nesse ofício.

Então, sempre que for contratar uma empresa de ambulância que realize esse tipo de serviço, é essencial que você se atenha a todos os detalhes que mencionamos no decorrer deste artigo. No Brasil, essa ainda é uma questão a ser explorada.

Mas, mesmo que ainda haja algumas coisas para se melhorar, é inegável afirmar o quanto esse tipo de serviço facilita inúmeros processos e garantem mais segurança ao paciente e à equipe profissional.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.